Os melhores shows

Gipsy Kings - 20/10

Vivo Rio

A banda que vendeu mais de 20 milhões de álbuns pelo mundo e tem mais de 100 milhões de views de seus vídeos no Youtube, continua a celebrar a sua empolgante tradição que uniu as famílias Reyes e Baliardo e atraiu fãs famosos como: Picasso, Cocteau, Dali e Chaplin. Os Gipsy Kings quebraram as barreiras da World Music, como um dos raros grupos a escalar as paradas musicais dos EUA e do mundo.

Fundindo o guitarras flamencas, rumba, salsa e pop, os Kings prometem colocar todos para dançar, fazendo uma grande festa com lendários sucessos como: “Bamboléo”,  “Djobi Djoba”, “Volare” entre outros. Recentemente, fizeram parte das trilhas sonoras de filmes como: “Sing”, “Toy Story 3”, “O Grande Lebowski” e “Glee”, abraçando clássicos ocidentais de Bob Marley, Doobie Brothers e The Eagles, com algumas pitadas da cultura caribenha.

 “A música sempre foi uma paixão”, diz o guitarrista Tonino Baliardo. “Mesmo depois de todos esses anos de turnê e trabalho. A música nos deu muito. Nós amadurecemos, nos desenvolvemos e tudo tem sido muito bom para nós”.

Em 1987, os Gipsy Kings lançaram seu auto intitulado álbum de estréia - um disco que se tornou um fenômeno, foi álbum de ouro e platina em diversos países, levando sua mistura única e irresistível dos estilos de flamenco tradicional com pop ocidental e ritmos latinos mundo afora. "Bamboleo" consagrou-os como enorme sucesso mundial. Desde então, o grupo mantém a mesma linha de músicos virtuosos, faz turnês e celebra o feito de mais de 20 milhões de álbuns vendidos.

A banda é liderada há 25 anos pelos dois compositores e produtores Nicolas Reyes e Tonino Baliardo. O pai de Nicolas, Jose Reyes, formou uma célebre dupla de flamenco com Manitas de Plata. Quando se separaram, Reyes ficou ainda mais popular com sua nova banda, chamava Los Reyes, onde cantava com seus filhos. Após o falecimento de Reyes em 1979, Nicolas e Tonino começaram a tocar juntos na cidade de Arles, no sul da França. Viajaram por todo o país, tocando onde quer que pudessem, como casamentos, festas, festivais. Tendo adotado o estilo de vida cigano, mudaram o nome da banda para os Gipsy Kings e seguiram tocando uma música que se estende através das gerações e reflete a história eclética do povo romani espanhol que fugiu da região da Catalunha durante a Guerra Civil Espanhola.  

Ao longo dos anos, incorporaram outros elementos de estilos latinos e cubanos, música árabe, reggae e guitarra de jazz, que lembra o mestre cigano francês Django Reinhardt, à sua música com intensa conexão com o tradicional flamenco, mantendo um foco do trabalho fluido de guitarra de Tonino Baliardo e do poderoso vocal de Nicolas Reyes.

Recentemente, apresentaram sua versão de "Volare", sucesso internacional em 1989, em um episódio do programa Dancing with the Stars. Sua versão do "Hotel California" foi incluída no filme The Big Lebowski e na série Entourage (HBO). O filme de 2010, Toy Story 3 apresentou uma versão do Gipsy Kings do tema de Randy Newman, "Você tem um amigo em mim".

Após o lançamento do álbum "Pasajero" em 2006, optaram por fazer uma pausa, mas nunca pararam de compor na estrada. Em 2013, quebram o hiato e gravam “Savor Flamenco”, álbum que representa um olhar para frente sem esquecer o passado. Nicolas Reyes fala sobre “Samba Samba”, single principal do álbum: “é uma música muito antiga dos nossos primeiros anos - foi escrita para festas, sol, alegria e praias”.

Preços:

Balcão: R$150,00
Camarote A: R$300,00
Camarote B: R$250,00
Premium: R$300,00
Setor 1: R$190,00
Setor 2: R$150,00
VIP: R$210,00

Informações:

21 2272-2901

Censura:

18 Anos

Horário:

Sábado, às 21:00




Comente este show